O mundo em cores

Published by Michelle Teles on

Não podemos negar que as cores são muito importantes para nós em todos os ambientes e situações que vivemos. Mas você já se questionou de que forma conseguimos diferenciar as cores?

Conseguimos responder essa pergunta observando mais de perto a estrutura dos olhos. Neles, existem vários sistemas de grande relevância para que possamos enxergar de forma coerente com o que ocorre a nossa frente. Dentre esses componentes presentes nos olhos estão os Bastonetes e o Cones, células sensíveis a luz, que são responsáveis pela diferenciação de luminosidade e cores.

cores 3

Os Bastonetes existem em grande quantidade na região periférica dos olhos e possuem a função de diferenciar o grau de luminosidade em um ambiente, como por exemplo, se o um ambiente está claro ou não, ou até mesmo se a tela do seu celular se encontra em um grau de luminosidade alta ou baixa. Entretanto, para os Bastonetes tudo está em preto e branco, não há diferença de cores. Nesse exato momento, entra o papel dos Cones, discernir as cores umas das outras. Para que isso ocorra existem três tipos de Cones, os Cones de percepção vermelha, os de percepção verde e os de percepção azul, juntos possibilitam a visão de muitas cores e tons diferentes.

E como os animais veem o mundo ?
cores 2

Você pode estar se perguntando, “mas e os animais, como eles enxergam?” Nos animais não funciona de forma muito diferente. Porém, para que eles possam diferenciar as cores em seus habitats, é preciso que haja pelo menos dois tipos de Cones (vermelho e azul, vermelho e verde ou verde e azul), dessa forma eles podem ver algumas cores, mas não com a mesma quantidade de cores que visualizamos, como por exemplo o cachorro (como mostra na imagem acima). Em outros casos, há animais que veem até mesmo mais cores que nós humanos, por ter mais de três tipos de Cones, como as pombas e um tipo específico de camarão que tem incríveis 12 tipos de Cones.

cores

RGB

Outro importante tema relacionado as cores e a forma que as enxergamos é o RGB, sigla inglesa referente as cores primárias (Red = vermelho, Green = verde e Blue = azul). É a partir da mistura dessas três cores que conseguimos ver uma infinidade de cores e tons. O Sistema RBG também é de grande importância para os dispositivos eletrônicos como telas, televisões e até mesmo as tradicionais fotos.

Sensor de cores no EV3

Para simular a função dos Cones em nossos olhos, o robô EV3 possui um sensor de cores, capaz de diferencia-las entre si, localizado na parte frontal do robozinho e que será fundamental para nossa sexta oficina !

Iremos começar nossa oficina escolhendo o robô EV3. Em seguida colocaremos o bloco repetir para sempre e também o laço então senão, como já feito em oficinas anteriores.

cores 4

Após essa etapa vamos adicionar o nosso sensor de cor, e para que ele funcione segundo o desejado precisamos comparar a cor que o sensor detecta, com a cor que esperamos. Para isso usaremos o bloco de comparação, preenchido com o sensor de cor de um lado e a cor esperada de outro.

cores 5

Para que seja mais visível o momento em que a cor detectada e a cor real são a mesma, fazemos o led do EV3 acender por um determinado tempo. Então quando preenchermos a comparação com a cor azul, e o robô passar por cima da cor azul, o led verde irá acender esperar 500 ms, em seguida irá desligar o led.

cores7

Senão, o robô deve seguir mover para frente, esperando encontrar a cor desejada …

cores8

Prontinho, você já está usando o sensor de cores !!! Simples né ?!

Screen_Recording_20210506-222851_Open-Roberta-Mobile

Caso você queira detectar mais cores, basta retirar o bloco de mover para frente, e completar com um novo bloco então senão, também preenchido com a nova cor que deseja buscar, e dentro desse mesmo bloco preencher de forma parecida com o anterior, mudando somente a cor do led.

cores 9

Nesse caso buscamos a cor amarela, ligando o led vermelho por 500ms assim que ela fosse detectada !

WhatsApp-Video-2021-05-06-at-22.42.59


Agora é sua vez de inventar e brincar com o robô EV3

Atividade prática – Detectando as cores

Bem-vindas à sexta oficina no STEAM4Girls. Nela você deverá:

  • colocar o EV3 em movimento;
  • detectar no mínimo 2 cores diferentes;
  • e “falar” o nome da cor detectada;

Assim que o robô passar por cima da cor a ser detectada, ele deve “falar” o nome da cor em questão. Por exemplo, caso queira detectar a cor azul, assim que o robô passar sobre ela deve emitir a voz dizendo “Azul”.
Dica : você poderá utilizar qualquer um dos mapas que tenha cores variadas, e até mesmo criar seu próprio mapa. E também poderá usar os sensores vistos das oficinas anteriores para que o EV3 não fique preso a um obstáculo !!

minibio michelle

Categories: Oficinas

0 Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *